Talk:Proposta de Classificação de Vias por Função

From OpenStreetMap Wiki
Jump to: navigation, search

Apenas vias rurais

Estou achando melhor deixar nessa proposta somente a parte de vias rurais, pois o manual que inseri para vias urbanas trata de travessias urbanas e não vias urbanas. --Guilherme.Peev (talk) 16:19, 23 August 2017 (UTC)

Sistema Local = vias urbanas ou unclassified

Eu entendo que o sistema local sejam as vias residenciais, tanto que representa até 80% da malha. Assim, unclassified seria o sistema coletor secundário. E tertiary, o sistema coletor primário --LinharesXT (talk) 19:11, 23 August 2017 (UTC)

Eu entendo diferente. O Manual só trata de vias rurais, a explicação do manual para Sistema Local é a de que elas servem de "acesso" do tráfego dentro de um município (mas não de uma cidade ou centro urbano) de áreas rurais ou pequenas localidades (população menor que 2.000 habitantes) até uma rodovia de nível superior.

E essa descrição bate muito com a do guia de classificação de rodovias do Reino Unido [1] para "unclassified".

Acho que as porcentagens de quanto essa malha deveria representar são só referenciais, e somente se aplicam para a soma das rodovias rurais.

--Guilherme.Peev (talk) 20:00, 23 August 2017 (UTC)

Porem não vejo problemas de considerar todo o sistema coletor (primário e secundário) como "tertiary". --Guilherme.Peev (talk) 20:04, 23 August 2017 (UTC)

Boa sugestão! --LinharesXT (talk) 10:29, 24 August 2017 (UTC)

Exemplos

Acho que precisa por uns exemplos de vias, comparando como são hoje e como ficariam com as alterações propostas. --Guilherme.Peev (talk) 20:27, 23 August 2017 (UTC)

BR-040 => trunk (hoje é primary)

  • inter-regional;
  • liga capitais;
  • velocidade de 110 km/h

BR-080 (Brasília a Uruaçu) => primary (hoje é secondary/primary)

Brasíla é capital. Uruaçu tem apenas 40.000 habitantes, mas para a região se destaca entre as outras cidades. Portanto, considero que seja "em torno de 50.000 habitantes".

  • inter-regional
  • conecta cidades em torno de 50.000 habitantes
  • velocidade de 100 km/h

GO-230 (Goianésia a Vila Propício) => secondary (hoje é primary, mas talvez esteja errado)

  • intra-regional
  • conecta uma cidade (place=town) a uma vila (place=village)

Tabela resumo

Nota: Esta tabela não substitui a descrição textual.

OSM DNIT Amplitude Cidades conectadas Velocidade
trunk Sistema Arterial Principal internacional e inter-regional 150 mil habitantes (place=city) e capitais 60 a 120 km/h
primary Sistema Arterial Primário inter-regional e inter-estadual 50.000 habitantes (place=town) 50 a 100 km/h
secondary Sistema Arterial Secundário intra-estaduais 10.000 habitantes (place=town) 40 a 80 km/h
tertiary Sistema Coletor Primário inter-municipal 5.000 habitantes (place=village) 30 a 70 km/h
Sistema Coletor Primário inter-municipal 2.000 habitantes (place=village) 30 a 60 km/h
unclassified Sistema local intra-municipal 2.000 habitantes (place=hamlet) 20 a 50 km/h

Regionalização e place vs população

Eu acho que fica mais natural associar a classificação das rotas (highway=*) com a classificação dos lugares conectados pelas rotas (place=*). Assim, tanto pros mapeadores quanto pro usuário final, fica óbvio o motivo da classificação de uma rota (cor da linha) pelo contexto (aparência dos nomes das cidade, em algumas renderizações também o estilo do ponto que as representa). Isso permite eliminar a população desse debate e colocá-lo num em que acho que faz mais sentido: na definição de place=*. Ali poderíamos discutir o efeito da densidade regional na importância do lugar. Poderíamos, por exemplo, adotar a Wikipedia-16px.png hierarquia urbana do Brasil. Ou algum critério mais estável e fácil de verificar, como por exemplo, "o próximo nível da hierarquia começa com cidades com 50%/30%/10% da população do nível anterior".--Fernando Trebien (talk) 13:41, 22 September 2017 (UTC)

Além disso, é interessante pensar em como a classificação viária urbana se relaciona com a classificação viária intermunicipal, para depois não termos que sacrificar a qualidade da classificação urbana ou que voltar e reclassificar o sistema intermunicipal. Me parece que place=town tem importância similar a place=suburb, então as rotas entre as combinações desses lugares (town x town, suburb x suburb, town x suburb) e desses para os superiores (town x city, suburb x city) teriam todas a mesma classificação, a princípio independente da população que possuem. Onde moro, por exemplo, o bairro mais populoso tem 78 mil habitantes, e o menos populoso tem 0,2 mil, mas como são a mesma entidade político-administrativa, são conectados pelo mesmo tipo de via a princípio - e isso produz um resultado essencialmente igual ao da classificação viária oficial da prefeitura.--Fernando Trebien (talk) 14:00, 22 September 2017 (UTC)